Update – Cirurgia inovadora no CHULC-HDE

Passados 10 dias da realização de uma cirurgia inovadora de colocação de um implante intramedular mecatrónico (Fitbone), pela Ortopedia Pediátrica do Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central (CHULC), a criança está a recuperar de forma expectável.

Na sequência desta cirurgia de alongamento do membro inferior, tem cumprido um rigoroso protocolo de reabilitação na Medicina Física e de Reabilitação do CHULC-HDE, elaborado pela equipa clínica chefiada pela Drª Maria José Costa.

Este protocolo é composto por 3 fases associadas às etapas ortopédicas. A 1ª fase (fase pós-cirúrgica) incide essencialmente sobre alongamento muscular. Na 2ª fase (fase de distracção) são associados exercícios de mobilização articular e de fortalecimento muscular. Na 3ª fase (fase de consolidação) tem como objectivo a carga sobre o membro e aquisição das actividades da vida diária de forma totalmente independente.

Este, recorde-se, foi o primeiro implante a ser colocado, em Portugal, numa criança de 11 anos, para alongamento do membro inferior esquerdo.

Trata-se de uma técnica que apresenta inúmeras vantagens face à adotada até ao momento, permitindo a correção de deformidades e encurtamentos dos membros de forma mais rápida, eficaz e menos traumática para o paciente, realizam-se, exclusivamente, no interior do osso, não envolvendo qualquer ferida para o doente (com exceção da necessária à colocação do mesmo), minimizando, assim, o risco de infeção durante o alongamento, iniciando precocemente as atividades diárias  e melhorando a qualidade de vida e segurança da criança.

 

Lisboa, 30 de Novembro de 2018

Partilhar: