CHULC no Congresso dos Hospitais

O Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central (CHULC) foi parte ativa no 7º Congresso Internacional dos Hospitais, uma organização da Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Hospitalar que este ano teve como tema central o “Envolvimento e (a) Responsabilidade do Cidadão no SNS (Serviço Nacional de Saúde)”.

Ao longo de três dias, entre 21 e 23 de novembro, neste encontro de profissionais de saúde, que decorreu no auditório da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa, foram apresentados e debatidos temas como: “o relacionamento do cidadão com o sistema de saúde”; “o utente como agente de mudança”; “envolvimento e proteção do cidadão no sistema de saúde”; “as instituições e a participação do cidadão no SNS/Sistema de Saúde”; “os profissionais e o envolvimento do cidadão nos cuidados de saúde”; “proximidade e envolvimento do cidadão”; “estratégias de cidadania nos hospitais portugueses”.

No dia 22, realizou-se a primeira conferência, “Serviço Nacional de Saúde e Cidadania – da Retórica à Ação”, por Constantino Sakellarides, e que teve a presidir à sessão a presidente do Conselho de Administração (CA) do CHULC, Ana Escoval.

Coube a Eric de Roodenbeke, diretor executivo da Federação Internacional dos Hospitais, a segunda conferência, “What does it take for hospitals to be patient centered?”, a Eva Weinreich-Jensen, presidente da Federação Europeia dos Hospitais, a terceira, “In the name of the patients, citizens and hospitals”, e a José Ramón Repullo Labrador, professor de Economia e Planeamento em Saúde da Escola Nacional de Saúde – Instituto de Saúde Carlos III de Espanha, a última conferência: “O hospital e os desafios da integração clínica, cidadania em saúde e boa governança”

Além da presidente da CA do CHULC, que fez parte da Comissão Científica do congresso, o vogal do CA, Francisco Matoso, e o enfermeiro coordenador da Área de Cirurgia, Rui Leal, integraram a Comissão Organizadora.

Partilhar: