Nesta sessão, presidida por S. Exª o Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Araújo, foi ainda apresentado o relatório do Programa de Saúde Prioritário na área das Doenças Cérebro-Cardiovasculares de 2017, apresentado pelo seu director e responsável da Especialidade de Cardiologia do CHLC, Prof. Doutor Rui Cruz Ferreira.

Para o Secretário de Estado, os resulutados permitem demosntrar que "Portugal está no pelotão da frente" do tratamento destas doenças mas, sublinhou, ainda existe muito para fazer no âmbito da prevenção e da promoção de hábitos de vida saudável e de uma alimentação saudável.

Fernando Araújo saudou ainda a realização de projectos de aproximação dos cuidados hospitalares aos centros de saúde e aos utentes, de que é exemplo o projecto-piloto de realização de exames complementares de diagnóstico de Cardiologia nos Cuidados de Saúde Primários que juntou o Centro Hospitalar de Lisboa Central e os ACES Lisboa Central (USF Oriente) e ACES Loures/Odivelas (Centro de Saúde/USF Sacavém).

Neste momento inicial, este projecto engloba três técnicas: Electrocardiografia convencional, Monitorização Electrocardiográfica Ambulatória e MAPA e, ainda , a criação de um Centro de Análise Remota que funciona aqui na Cardiologia do CHLC.

Como sublinhou a Presidente do Conselho de Administração do CHLC, com este projecto procura-se responder aos imperativos do Plano Nacional de Saúde que define como eixos estratégicos, nomeadamente, a equidade e o acesso adequado aos cuidados de saúde, encontrando equilíbrios entre a proximidade dos serviços e a gestão racional de recursos limitados e uma resposta especializada Às necessidades de saúde da população.